Bradesco demite e ainda humilha funcionários em exame demissional

05/08/2022

Bancários ficam expostos em filas enormes na calçada em frente ao prédio onde são realizados os exames, em uma situação constrangedora

Bradesco não se contenta apenas em demitir arbitrariamente e em massa, trabalhadores, inclusive em unidades que já possuem poucos empregados e a demanda é grande para o atendimento à população. O banco prossegue humilhando quem tanto se dedicou para produzir os lucros da instituição fazendo do exame demissional um suplício para o trabalhador dispensado.

“O bancário dispensado enfrenta filas enormes na calçada do prédio, sujeito aos mais variados riscos para fazer o exame. O banco constrange o trabalhador a uma humilhação revoltante e desnecessária. É uma absurda covardia do Bradesco e uma violação aos mais elementares direitos humanos”, criticou o diretor do Sindicato dos Bancários do Rio, Jaci Menezes.

Fonte: SEEB Rio

Voltar
Seja um de nossos afiliado

Seja um de nossos afiliado

Faça parte do nosso sindicato!

Quero me Filiar

Cadastre seu e-mail

E comece a receber as notícias semanalmente direto no seu e-mail!

    Jornal Sindicato

    Jornal Sindicato

    O Jornal do Sindicato dos Bancários foi elaborado para trazer informações do cotidiano, dos eventos e as notícias referente a classe bancária.

    Veja

    Serviços

    A Sede Administrativa do Sindicato dos Bancários de Tubarão e Região funciona de segunda a sexta-feira, das 8h00 às 18h00, disponibilizando atendimento pessoal aos bancários e dependentes, assessoria jurídica, salão de beleza unissex, entre outros.

    Veja

    Memórias

    O Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Tubarão e Região foi fundado em 31 de agosto de 1958 e reconhecido em 20 de maio de 1959, com a finalidade de representar os bancários perante os poderes constituídos na defesa dos direitos e interesses coletivos e individuais da categoria, inclusive em questões judiciais ou administrativas e atuando sempre em busca de uma sociedade melhor.

    Veja